Você já ouviu falar na “Carbon Tax” que entra em vigor hoje ? Eu te explico !

É importante refletir sobre os temas que envolvem a política e o posicionamento do Canadá em relação aos problemas que assolam o mundo, como por exemplo, o aquecimento global. Se você  mora nas províncias de Ontario, Manitoba, Saskatchewan and New Brunswick certamente recebeu pelo correio um folder avisando sobre a “Carbon Tax” que entrou em vigor a partir de hoje. 

Imagino que essa notícia já tenha respingado em algum veículo brasileiro. Mas não custa nada tentar explicar o assunto para leigos. Não sou expert mas corri atrás para entender como essa nova taxação afetará a vida – e o bolso – de quem mora no Canadá. 

O que é a Carbon Tax ? 

É o imposto sobre as emissões de carbono. É uma taxa que entra em vigor a partir de hoje – 1 de abril de 2019 – e será cobrada sobre cada tonelada de emissão de dióxido de carbono emitida pela queima de combustíveis fósseis. A meta é simples: ajudar a reduzir a quantidade de emissões de gases de efeito estufa. Desta forma, petrolíferos como gasolina e diesel, gás natural e eletricidade a carvão serão diretamente afetados. 

Porque o Canadá está adotando essa taxa ?

Para cumprir com as metas do “Acordo de Paris” (que o Canadá faz parte) e no qual os países concordaram em limitar o aumento da temperatura global a 1,5 grau Celsius evitando a emissão de carbono. 

Fonte: Governo do Canada

Onde será investido esse dinheiro ?

O que o governo diz é que existem várias formas de aplicar este dinheiro, como oferecer descontos a clientes, investir em medidas de redução de emissões, baixar outros impostos, entre outros.  

Todas as províncias serão afetadas ?

Somente Ontário, Manitoba, Saskatchewan e New Brunswick, que são as províncias que não adotaram seus próprios impostos de carbono, sistemas de limite e comércio ou outros planos para precificação de carbono. Os outros lugares serão cobertos por planos provinciais, seja um imposto direto outro sistema, e cada província irá investir a receita como quiser.

Fonte: Governo no Canadá


Como isso irá refletir no bolso do consumidor ?

De fato, os consumidores canadenses não pagarão um imposto diretamente, mas enfrentarão preços mais altos de bens e serviços de indústrias que emitem gases de efeito estufa. 

Por exemplo, a gasolina, que terá um aumento de preço de 4,4 centavos de dólar por litro a partir de hoje,  irá subir até  o limite de 11 centavos por litro até abril de 2022, de acordo com a medida que o imposto sobre carbono aumentar.

Este custo será contrabalançado com um desconto anual por família, chamado de “Incentivo a ação climática” , baseado nas despesas média de gastos de cada província. Uma família que mora em Saskatchewan, por exemplo, onde o deslocamento de carro é teoricamente maior, terá também um desconto mais alto, independente do valor gasto ou emitido. 

Caso você esteja nas províncias de Ontário, Manitoba, Saskatchewan e New Brunswick, poderá solicitar o seu “Incentivo a ação climática” (Climate action incentive) quando fizer a sua declaração de imposto de renda no Canadá.

Segundo informações do site do Governo Canadense, uma família de quatro pessoas pode receber a média de:

$ 609 em Saskatchewan
$ 339 em Manitoba
$ 307 em Ontário
$ 256 em Nova Brunswick 

Como você pode ajudar com a redução de emissão de carbono ?

O aquecimento global é uma preocupação urgente. Pequenas atitudes podem trazer grandes mudanças. 

  • Prefira caminhar ou usar a sua bicicleta para percorrer pequenas distâncias. 
  • Pense sempre na sustentabilidade quando realizar alguma obra no seu imóvel: plantas ajudam a reduzir o calor nos meses de verão, reaproveitamento da água da chuva e até placas de energia solar são algumas alternativas. 
  • Reduza o seu consumo geral de produtos, recicle e reutilize o que for possível. 
  • Sempre que possível, substitua as lâmpadas normais por lâmpadas fluorescentes compactas. Elas são projetadas para fornecer luz mais natural, usando muito menos energia do que as lâmpadas comuns.
  • Prefira comprar os eletrodomésticos que economizam energia
  • Use menos água quente
  • Plante uma árvore : )

    Fonte: Global Carbon Atlas

Clique aqui para ler uma análise detalhada (somente em inglês)
Confira as informações completas no site do Governo Canadense
Clique aqui e converse com o Charlie (CRA’s chatbot) e saiba qual será o seu incentivo : )

Fontes: Site do Governo Canadense, Global Carbon Atlas, De Globe and Mail.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »